Estratégias Empresariais e a Redução de Emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE)

Baixar texto completo em PDF.

A redução de emissões de GEE reclama ações governamentais e a mobilização de toda sociedade civil, nela incluída a iniciativa privada que já acumula duas décadas de experiências na sua curva de aprendizagem. Os conteúdos reunidos nesta obra foram elaborados por pós-graduandos da disciplina EAD-5953 – Estratégias Empresariais e Mudanças Climáticas, da FEA-USP, ministrada em 2014. Os textos analisam objetivos, metas, estruturas operacionais e resultados obtidos pelas seguintes corporações: Petrobras, Agropalma, Suzano Papel & Celulose, Grupo AES Brasil, Tetra Pak®, BRF, ArcelorMittal Tubarão, CPFL Energia e Latam Airlines. Estes conteúdos revelam um cenário ainda marcado por alguns desacertos, mas já atingindo uma escala capaz de fortalecer a posição brasileira em todos os fóruns internacionais, principalmente a tão esperada e decisiva reunião de Paris em 2015.

Estratégias Corporativas e Economia Verde no Brasil

Por

Resumo A redução de emissões de GEE reclama ações governamentais e a mobilização de toda sociedade civil, nela incluída a iniciativa privada que já acumula duas décadas de experiências na sua curva de aprendizagem. Os conteúdos reunidos nesta obra foram elaborados por pós-graduandos da disciplina EAD-5953 – Estratégias Empresariais e Mudanças Climáticas, da FEA-USP, ministrada…

Continue Lendo…


Petrobras: Redução de emissões de GEE vs STATOIL

Por

A Petrobras é a empresa brasileira mais conhecida dos brasileiros e estrangeiros. Fundada em 1953 como monopólio para a exploração de petróleo e gás, a empresa se transformou em um gigante cujo escopo e interesse exploratórios ocupam hoje todo o espectro energético, incluindo não apenas os derivados de petróleo, mas energias renováveis ou limpas, como…

Continue Lendo…


Estratégia empresarial para a mitigação e redução de GEE. O caso do grupo Agropalma na Amazônia

Por

O cultivo da palma de óleo vem sendo realizado há mais de um século no continente asiático, e nas últimas décadas internalizou-se rumo ao sudeste do continente. Também entrou em países em desenvolvimento, nas regiões de florestas tropicais ainda nativas, em alguns casos melhorando a condição das populações presentes nestes habitats, mas também causando grande…

Continue Lendo…


Estratégias de Mitigação e Adaptação às Mudanças Climáticas da Suzano Papel & Celulose

Por

Diante do fato de que as mudanças climáticas representam uma realidade em andamento, as florestas plantadas assumem papel relevante em termos de estratégias de mitigação e adaptação. Nesse sentido, setores industriais de base florestal, como o de celulose e papel, possuem grande responsabilidade em termos de manejo florestal, ao mesmo tempo em que os caminhos…

Continue Lendo…


A gestão das mudanças climáticas no Grupo AES Brasil

Por

O objetivo deste trabalho é o de gerar conhecimentos sobre a gestão das mudanças climáticas do Grupo AES Brasil, a fim de destacar quais são os planos, projetos e iniciativas do Grupo que pretendem contribuir para a mitigação das emissões de gases de efeito estufa (GEE) brasileiras. Podemos observar que, apesar da meta estabelecida de…

Continue Lendo…


Tetra Pak® e a Logística Reversa

Por

O manejo ambientalmente adequado dos resíduos sólidos, caracterizados como restos domésticos e resíduos não perigosos, lixo e resíduos de construção, tem tido cada vez mais destaque em publicações científicas nas últimas décadas. O relatório do IPCC (2006) mostra que esses resíduos também são causadores de emissões de gases de efeito estufa (GEE), por produzirem gás…

Continue Lendo…


Análise de Gestão de Emissões de Gases de Efeito Estufa Oriundas de Empresa do Setor Alimentício

Por

Figurando entre uma das principais economias emergentes atuais, o Brasil enfrenta o desafio de estabelecer padrões de desenvolvimento econômico com baixas emissões de carbono. O presente estudo almeja ser uma contribuição para o entendimento de como o setor privado brasileiro vem se adequando às mudanças globais e necessidades de imposições de novos paradigmas e desenvolvimento…

Continue Lendo…



Emissões de Gases de Efeito Estufa e o Setor Elétrico Brasileiro – O Caso CPFL Energia

Por

As principais causas das mudanças climáticas estão relacionadas a emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) liberadas pela queima dos combustíveis fósseis que compõem a matriz energética de muitos países industrializados. Nesse contexto, as estratégias que influenciam a composição da matriz energética de um país podem ocupar um papel central para os esforços de mitigação…

Continue Lendo…


Gestão de gases de efeito estufa (GEE) no setor de aviação: o caso do Grupo Latam Airlines

Por

Empresas de diversos segmentos vêm traçando estratégias ambientais para posicionar-se com relação ao quadro de incertezas oriundo das mudanças climáticas em curso. Algumas empresas estão buscando obter bons resultados no triple-bottom-line (econômico, social e ambiental) e vêm obtendo sucesso, mas os desafios ainda são grandes. O setor de aviação civil tem ampla relevância econômica e…

Continue Lendo…